sábado, 16 de maio de 2009

Pílulas dos cadernos literários – 16/05/2009

A partir de hoje, vou passar a transcrever algumas notícias dos cadernos literários de sábado, sem incluir meus comentários. Nesse caso (que chamarei de “pílulas”), apenas copiarei o texto. Não que tenham menos importância (senão eu nem colocaria aqui), são tão somente uma forma mais rápida de repassar a informação. Minha única contribuição será incluir alguns links, aproveitando a facilidade que temos do texto virtual.

--------------------------------------------------
Caderno Prosa & Verso (O Globo) – Sábado (16/05/2009)
--------------------------------------------------

Coluna No Prelo (por Mànya Millen e Rachel Bertol)

- Amazon agora é editora
A Amazon anunciou, esta semana, que também vai publicar livros através da AmazonEscore, editora que vai usar as informações da empresa sobre as preferências e as demandas dos leitores, através de acessos ao site e comentários deixados nas páginas dos livros, entre outros medidores. O primeiro título que a AmazonEscore vai lançar, em agosto próximo, com capa dura, será o romance de fantasia “Legacy”, escrito por uma adolescente de 14 anos (hoje com 16), Cayla Kluver, que já o publicara pela editora que fundou com a mãe. (...)

- Adriana Lisboa para crianças
Completando em 2009 dez anos de carreira, com livros já publicados em Portugal, Itália, França, Suécia e México, a escritora Adriana Lisboa também vem firmando seu nome no universo da literatura infanto-juvenil. Em junho a Editora Rocco manda para as livrarias “A sereia e o caçador de borboletas”, livro para crianças que reedita a parceria entre Adriana e o ilustrador Rui de Oliveira, iniciada com o belo “Língua de trapo”. Com a obra, Adriana ganhou, em 2005, o prêmio de autor estreante pela Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ) – que também concedeu o selo de Altamente Recomendável na categoria Reconto por “Contos populares japoneses” (de 2008). No novo livro, que será lançado no 11º Salão FNLIJ – a partir do dia 11 de junho no Centro Cultural Ação da Cidadania – a dupla conta uma delicada história de amor entre personagens de mundos estranhos e que se sentem estranhos em seus mundos.

- Portugal Telecom
Os 50 finalistas do Prêmio Portugal Telecom 2009 serão conhecidos na próxima quarta-feira, em cerimônia no Palácio São Clemente.

Coluna Rodapé

- Dias Gomes
Dia 21, às 17h30m, no Teatro R. Magalhães Jr. da ABL (Presidente Wilson 203), acontece a mesa redonda “10 anos sem Dias Gomes”

- Café Literário
Durante as sextas-feiras de maio a escritora Lúcia Bettencourt comanda, no Espaço Telezoom (Dias Ferreira 78/301), o Café Literário, série de encontros sobre literatura que acontece das 10h às 12h. Por conta do horário, o curso inclui o café da manhã. Informações: 3435-1617

--------------------------------------------------
Caderno Ideias (JB) – Sábado (16/05/2009)
--------------------------------------------------

Coluna Informe Ideias (Por Alvaro Costa e Silva, com Juliana Krapp)

- Estratégia
Se de fato fechar negócio e adquirir a Nova Fronteira, o poderoso grupo Leya – holding que concentra algumas das mais prestigiadas editoras portuguesas, como Asa, Caminho, Dom Quixote, Texto Editores, Oficina do Livro, Teorema – já tem um segundo passo em curso: comprar os direitos da obra completa de Rubem Fonseca que, como se sabe, brigou com a Companhia das Letras, sua casa há 30 anos.

- Prêmio São Paulo
Duzentos e dezessete romances concorrem aos R$ 400 mil (R$ 200 mil para cada categoria) do Prêmio São Paulo de Literatura 2009. Milton Hatoum, Moacyr Scliar, Marcelo Rubens Paiva, Patrícia Melo, Paulo Coelho e até José Saramago são candidatos. Os finalistas serão anunciados durante o 2º Festival da Mantiqueira, de 29 a 31 de maio, em São Francisco Xavier, São Paulo.

- O livro da infância
Até o dia 31 de maio, estudantes do 1º ao 5º ano podem responder, na Livraria DaConde (2274-0359), à pergunta: “Qual livro marcou sua infância?”. Quem melhor justificar sua escolha ganha duas cestas de livros: uma para si e outra para sua escola.

- Estão abertas até 12 de junho as inscrições para as bolsas da Biblioteca Nacional voltadas para pesquisadores, tradutores e autores.

Nenhum comentário: